Gadget

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.

terça-feira, 4 de janeiro de 2011

HISTÓRIA DE CARMOPOLIS - PARTE 02





FONTE: Postado pelo Blog


O MUNICÍPIO


LOCALIZAÇÃO

O município está localizado na região leste do Estado de Sergipe, limitando-se com o município de Japaratuba ao norte, Rosário do Catete a oeste, a sul com General Maynard e a leste com Santo Amaro das Brotas e Pirambú. Suas coordenadas são Latitude 10º 33′ 45″ SUL e 36º 57′ 23″ de longitude oeste. A sede do município está situado no cimo de um planalto com 60 metros de altitude




ÁREA

A área municipal abrange 45,91km2. Além da sede o município possui um povoado denominado: Aguada.

POPULAÇÃO

Segundo dados do IBGE, através do Censo Demográfico de 2000, o município possui uma população de total de 9.352 habitantes, sendo 7.606 residentes na área urbana. A Contagem da População realizada pelo IBGE em 2007 já credita 11.911 habitantes

ECONOMIA

As principais atividades econômicas do município são a mineração, agricultura, pecuária e avicultura. O Coco-da-baía destaca-se dentre os produtos agrícolas sendo seguido pela banana, mandioca, feijão, milho, manga, amendoim e goiaba. Os galináceos predominam na avicultura. A criação de bovinos enfatiza-se em maior quantidade, ainda há a de eqüinos, suínos, muares e ovinos. Na mineração a produção de petróleo e gás gera grande receita para o município. O comércio é médio e bem diversificado. Na indústria, têm-se fábricas de beneficiamento de coco-da-india e sabão.

AGUADA

Único povoado de Carmópolis, distante a 7 kms do municipio, está interligada ao mesmo por uma rodovia asfaltica, estando bem localizado entre os municípios vizinhos.Possui água encanada e energia elétrica em todas as residencias e dispõe de telefone fixo, todos os logradouros são pavimentados à paralelepipedos, funcionam 3 escolas do ensino fundamental e um jardim de infância, possui um dos melhores clubes sociais da região e dispõe de quadra de esportes e estádio de futebol



HIDROGRAFIA

Na Hidrografia o município está inserido nas bacias hidrográficas do rio Japaratuba. Constituem a drenagem principal os rios Japaratuba, Siriri e Riachão.

CLIMA

O Clima é megatérmico umido a sub-úmido, com temperatura média anual de 25,0oC, precipitação pluviométrica média no ano de 1.400mm e período chuvoso de março a agosto.

RELEVO

O seu relevo apresentam Planície Litorânea, Tabuleiro Costeiro e Planície Fluvial.

VEGETAÇÃO

A vegetação está caracterizada por Capoeira, Campos Limpos e Sujos, Caatinga e vestígios de Mata.Entre as árvores tem-se angelim, araça, araticum do brejo, aroeirinha, brauna, biriba, burra leiteira, cajazeira, camarão, cambotá de leite, canafistula, cedro, cuiri, dendezeiro, espinheiro branco, goiabeira, ingázeira, ipê amarelo, ipê roxo, itapicuru, jaqueira, jenipapeiro, juá, louro, mangueira, mau vizinho, moisés, mulungu, murici, pau sangue, pau pombo, pau ferro, pé de galinha, sapucaia, sucupira, tucum, umbauba

SOLOS

Os solos são Podzólico Vermelho-Amarelo equivalente Eutrófico, Hidromórficos e Podzólico Vermelho-Amarelo.

FAUNA

A fauna é composta por gaviões, corujas, beija-flores, sapos, cotia, gambá, preá, tatu-peba e o sagüi.





DATAS HISTÓRICAS

01.01.1923 - Instalação do Município e posse do primeiro Intendente – Francisco Teles Maciel.

06.02.1954 - Lei 554 – Eleva o Município a Termo Judiciário – Comarca de Japaratuba.

24.02.1965 - Primeiro Embarque de Petróleo, para as Refinarias da Bahia, por via férrea.

29.02.1919 - Sai a primeira edição do Jornal “A Voz do Povo”, empunhando a bandeira da libertação.

28.03.1938 - Decreto-Lei 69 – Eleva a Sede Municipal à categoria de Cidade.

01.05.1991 - Inauguração da Rádio-FM “Ouro Negro”, instalada no alto do Cerro de Maçacará.

01.05.1992 - Inauguração do Distrito Industrial,

04.05.1913 - Nasce em Carmópolis o poeta José Sampaio.

23.05.1897 - Nasce no Engenho Poções, ainda território de Rosário, o Patrono da Libertação – Francisco Teles Maciel.

01.07.1974 - Editado o primeiro número do “OURO NEGRO” - Boletim Informativo da Prefeitura de Carmópolis – sob a direção do jornalista Antônio Carlos da Conceição.

15.08.1963 - Descoberto o petróleo na Fazenda Mercês de Baixo.

16.10.1922 - Sanção da Lei 831 – Transforma o Distrito de Paz da Vila do Carmo em Município, estabelecendo definitivamente a Emancipação política.

26.10.1894 - Lei 83 – Eleva o Povoado do Carmo à categoria de Vila, continuando ainda subordinada a Rosário.

07.11.1921 - Lei 819 – Cria o Distrito de Paz do Carmo, delimitando o seu Território.

07.12.1964 - O Presidente da República – Marechal Humberto de Alencar Castelo Branco – visita o Campo Petrolífero de Carmópolis e é recebido na Prefeitura, pelo Prefeito – Ariovaldo Ferreira de Souza, o Presidente da Câmara de Vereadores – Gilberto Amaral Lopes, o Chefe da Agência Municipal de Estatística – Antônio Carlos da Conceição, Vereadores e outras Autoridades.

15.12.1938 - Decreto-Lei 150 – O Município de Carmo passa a ser Distrito de Paz de Rosário – Comarca de Maroim (Distrito de Paz é Divisão Administrativa Judiciária).

31.12.1943 - Decreto-Lei 377 – O Município de Carmo tem o seu Topônimo mudado para CARMÓPOLIS.
 
 
 
 
 
 
 
 
 
PERSONALIDADES

João Gomes de Mello (Barão de Maruim) - Nasceu em 18 de setembro de 1809 no Engenho da Santa Bárbara. Ele era proprietário das terras onde hoje se localiza o bairro Salusto Vieira de Melo (Bairro Invasão), em Carmópolis.
Na verdade 3 municipios querer ter Joao Gomes de Melo o Barão de Maruim como Filho ilustre , o proprio Maruim, Rosario e Carmopolis, mas nem um dos tres podem dizer isso

Quando  o Barão  de Maruim Nasce tudo alí era Santo Amaro das Brotas.
Enatão o Barao de Maruim é filho de Santo Amara nao de Carmopolis, nem Rosario e nem tão pouco Maruim.

José Sampaio - Nasceu na Vila do Carmo em 2 de maio de 1913. Começou os estudos em Carmópolis na escola de Dona Sirene. Ainda pequeno, mudou-se para Riachuelo. No início dos anos 30 trabalhou no comércio e escreveu seus primeiros poemas. De 1936 a 1944 colaborou com vários jornais e revistas.

Francisco Teles Maciel - Nasceu em 23 de maio de 1887. Ao lado de seu irmão José Teles Maciel, foram as figuras políticas de maior projeção na história de Carmópolis. Além da condição de agricultor e dono de engenho de açúcar, ele também se dedicava a mecânica. Foi um homem de visão social e de grande liderança política. Tornou-se o primeiro intendente, empossado em 1º de janeiro de 1923. Após cumprir o mandato de intendente, o líder do Engenho Porções foi eleito deputado estadual.

Manoel Joventino Magalhães - Nasceu na cidade de Tacaratu/PE, em 3 de setembro de 1920. Posteriormente fixou residência na cidade de Carmópolis onde entrou para o comércio, vendendo tecidos em sua residência e na feira da cidade, e depois abrindo sua loja em prédio próprio. Prosperou bastante, chegando a ser um dos principais comerciantes de Carmópolis. Foi suplente de vereador, assumindo o cargo de secretário e prefeito eleito.

Ignácio Felino Barreto - Nasceu em Carmópolis em 20 de fevereiro de 1906. Entrou na atividade econômica como comerciante e fez carreira política, sucedendo seu pai, ao lado do grande amigo e líder político Leandro Maynard Maciel, de quem nunca se afastou. Como líder político comandou a oposição ao dr. Octávio da Usina Oiterinhos, chefe do Partido Republicano, não conseguindo derrotar o adversário que representava o poder econômico do município. Com a morte dele, as lutas político-partidárias perderam a expressividade.



Gentil Acciole Gomes - Agricultor, comerciante e político. Elegeu-se vereador e tomou posse como vice-prefeito em 1967, morreu em 21 de fevereiro de 1973, assassinado friamente por um vizinho de terra quando se dirigia para o trabalho em sua propriedade.

Antonio Carlos da Conceição (Carlito) - Nasceu em Carmópolis, no antigo Arraial da Coruba, em 16 de janeiro de 1916. Passou por várias escolas primárias, abandonando-as sempre para trabalhar, já que era muito pobre. Passou pelo Grupo Escolar General Siqueira, em Aracaju, aos 9 anos de idade. É a memória viva de Carmópolis. É dele o hino do município.

OUTROS FILHOS ILUSTRES:

Honorino Ferreira Leite

Hermes Fontes Cruz

Manoel Cirino dos Santos

Cantidiano Rosa do Bomfim

Marcionilo de Melo Lopes

Anísio Teles Barreto

José Amado Alves

José Teles Maciel

Alberto Narciso da Cruz


_________________
FONTE:
 Postado pelo Blog